Qui24042014

Entrar emCONTATO

Back Inicio Notícias de Paulínia Cidade Combate ao trabalho infantil

Combate ao trabalho infantil

 Paulínia reduz 24% o número de trabalhadores infantis. Índice é um dos maiores da Região Metropolitana de Campinas. Menos crianças acima de 10 anos estão envolvidas com o trabalho infantil em Paulínia. A informação é resultado de divulgação com base nos dados amostrais do Censo 2010, do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), que revelou a redução de 295 crianças que trabalhavam nessa condição, o correspondente a 24% do total.

Em 2000, 1.224 crianças já trabalhavam na cidade. Já em 2010 foi constatada a diminuição do número para 929.

De acordo com o instituto, a zona urbana é a que mais utiliza essa mão de obra, ao representar mais de 95% dos trabalhadores infantis, com 1.211 crianças.

A quantidade de homens em tal tipo de serviço é 78% maior em comparação às mulheres. Em 2010 foram registrados 595 pessoas do sexo masculino, ante 334 do sexo feminino.

Caminho para o emprego legal

A Associação pela Infância e Juventude de Paulínia (AIJ) aplica programas com o objetivo de trazer o desenvolvimento social à criança e ao adolescente. Por meio do PPIMT (Programa de Promoção e Integração ao Mundo do Trabalho), a instituição realiza projetos como oficinas socioeducativas e iniciação profissional, a fim de preparar o adolescente de baixa renda para o mercado de trabalho, promover o aprendizado e a qualificação social e profissional, através dos projetos Jovem Aprendiz em Ação e do Programa Petrobrás Jovem Aprendiz.

RMC

Em cidades com população menor ou igual à de Paulínia, como Monte Mor, Nova Odessa, Holambra, Arthur Nogueira e Santo Antônio de Posse, após uma década, mais crianças ainda trabalham.

Entre os maiores municípios da região estão Hortolândia e Indaiatuba, que registraram aumento de 29 % e 2%, respectivamente, de trabalhadores considerados ilegais, segundo o IBGE.

O último dia 12 de junho marcou a data de combate ao trabalho infantil no Brasil, que obteve queda de 13%.

Comentários 

 
#1 josemar Ramos 22-06-2012 15:42
gostaria de saber como funciona este programa caminho para um empregol legal.
Citar
 

Adicionar comentário