Portal de Paulinia | O seu Jornal on-line

Qui27062019

Entrar emCONTATO

Back Inicio Notícias de Paulínia Cidade Centro de Zoonoses de Paulínia tem nova política para tratamento de animais

Centro de Zoonoses de Paulínia tem nova política para tratamento de animais

Foto: Divulgação

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Paulínia adotou novos procedimentos para que os animais abandonados sejam cuidados e tratados de forma respeitosa e sensata.

A determinação da mudança de procedimentos das CCZs da região é de uma lei Estadual (número 12.916/2008). Hoje, os cães e gatos não são recolhidos para matança indiscriminada. A captura é feita apenas em espaços públicos, ou quando o animal é bravo, oferecendo risco à população. "As higienizações dos canis acontecem duas vezes por dia, e os cães são banhados e recebem medicação e vermífugos de acordo com a necessidade", exemplifica o coordenador do CCZ Paulínia, Vanderlei Guidotti.

Outra mudança é o não recolhimento de animais comunitários, aqueles adotados por um grupo de pessoas, já que eles recebem alimentação e cuidados por parte delas. Já sobre a eutanásia, ela é feita apenas com a autorização do proprietário e sob o laudo técnico e avaliação de um veterinário. "Muitos animais são atropelados e ficam totalmente mutilados, não tendo como tratá-los. Também os casos de cinomose, restando apenas a eutanásia", explica o coordenador.

Já para quem tem um animal que faleceu, a orientação é ligar para o CCZ para que o centro faça o recolhimento. "É muito perigoso enterrar em qualquer lugar, pois o local poderá ser contaminado dependendo da doença que ele morreu. É só ligar que buscamos o animal em sua casa", diz Luis Henrique Guimenez Correa, outro coordenador. Assim que recolhidos, os corpos são incinerados.

Foto: DivulgaçãoCastração e posse responsável

Em 2010 foram realizadas 900 castrações de cães e gatos, atendendo principalmente famílias de baixa renda e animais que ficam em ONGs. Para 2011, outros 900 animais poderão ser castrados.

O CCZ também trabalha a posse responsável, informando que animal não é brinquedo de criança, é uma vida, que precisa de cuidados, alimentação, vacinas e medicação se for preciso. Abrigo do frio, da chuva, banhos e escovação, passeios para se exercitar e principalmente a castração para evitar a super população de cães e gatos evitando vários problemas como: atropelamentos, transmissão de doenças, abandono e atos de crueldade.

Quem quiser adotar ou apenas visitar o Centro de Controle de Zoonoses poderá fazê-lo todos os dias, inclusive aos finais de semana, a partir das 10h00 até as 16h00. O CCZ fica na Rua dos Estados, 1000, na Vila Bressani, atrás do Poliesportivo. Para outras informações, os telefones são 3833 2299 e 3874 9266.