Portal de Paulinia | O seu Jornal on-line

Sex21112014

Entrar emCONTATO

Back Esportes Notícias Detentos em regime semiaberto começarão a trabalhar no Parque São Jorge

Detentos em regime semiaberto começarão a trabalhar no Parque São Jorge

 

Todos os participantes, que farão serviços de manutenção na sede social, receberão 3/4 do salário mínimo (R$ 466,50)Nesta terça-feira (3) o Corinthians celebrou no anfiteatro do Parque São Jorge, a parceria com o CDP (Centro de Detenção Provisória ) Belém I, a SAP (Secretaria da Administração Penitenciária) e a FUNAP (Fundação Prof. Dr. Manoel Pedro Pimentel). Dez detentos em regime semiaberto começarão a trabalhar no clube semana que vem, outros 20 devem ser contratados.

Todos os participantes, que farão serviços de manutenção na sede social, receberão 3/4 do salário mínimo (R$ 466,50), além de seguro de vida (R$ 3,70), como previsto na Lei de Execução Penal (LEP). Os detentos também receberão vale transporte e alimentação por parte do clube.

“Os selecionados do programa são muito bem vindos ao Corinthians e quero que eles sintam-se livres para trabalhar no Parque São Jorge. Juntos, vamos todos construir um futuro melhor, mais justo e igual. Todos têm direito à dignidade humana. Os detentos já estão pagando pelos erros que cometeram, não há prisão perpétua no Brasil, e estou muito feliz e honrado em fazer parte do processo de reabilitação de cada um deles”, disse Mário Gobbi Filho, presidente alvinegro.

Na última semana, a Odebrecht, construtora responsável pelas obras do futuro estádio do Corinthians, anunciou convênio com a Secretaria da Administração Penitenciária e também contará com detentos trabalhando em suas obras no Estado de São Paulo.

Detentos em regime semiaberto começarão a trabalhar no Parque São Jorge